logomarca
Cuiabá, 20 de Maio de 2024.

Saúde Quarta-feira, 15 de Maio de 2024, 13:11 - A | A

Quarta-feira, 15 de Maio de 2024, 13h:11 - A | A

Dicas

Como manter a imunidade - e o treino - em dia com as mudanças de temperatura

Marca high end mostra dicas de como se cuidar para ter mais disposição durante as grandes mudanças de temperatura

Divulgação

Divulgação

 

 

  ‎   ‌

Não é de hoje que temos sentido variações climáticas em nossa rotina. No entanto, com a chegada do outono, as temperaturas caíram bruscamente, saindo de um calor sufocante para temperaturas mais amenas, que não passam dos 23°. Diante deste cenário, a oscilação da temperatura durante um período de tempo - ou até mesmo durante um mesmo dia - é um problema para manter a saúde do corpo e influencia também na rotina de exercícios físicos.

Além de ser um fator determinante para a manutenção da imunidade, a prática de exercício pode sofrer com a variação de temperatura exagerada e frequente. A Bio Ritmo, marca high end, entende que compreender como o corpo responde a essas mudanças de temperatura, pode ajudar na saúde e por isso listou algumas dicas de como se cuidar durante esses períodos. 


1.Hidratação

A variação de temperatura pode levar a desidratação, ainda mais quando praticamos exercícios e não repomos o que transpiramos. Dessa forma é muito importante beber água regularmente ao longo do dia. O corpo humano precisa em média 35 mL de água para cada quilo de peso. Para descobrir quantos litros você precisa, basta multiplicar 35mL pelo seu peso. Além disso, chás, e água aromatizadas podem ser excelentes alternativas para quem não desenvolveu o hábito de beber água. 


2. Roupas adequadas

Devido à grande mudança de temperatura durante um único dia, fica difícil escolher a roupa certa para o treino pode ser desafiador, especialmente para aqueles que ainda vão ter outros compromissos antes de praticar exercícios. Uma dica é levar duas opções de roupa, ou pelo menos duas camisetas: uma de frio e uma de calor. 


3. Mantenha uma rotina saudável

Outro fator importante que pode prejudicar a imunidade, é a falta de rotina, principalmente do sono. O sono é crucial para uma boa recuperação do corpo e, portanto, é essencial manter horários regulares para dormir e acordar. Isso ajuda também a diminuir o estresse e a ansiedade, melhorando ainda mais a nossa saúde mental e física. 


4. Boa alimentação

Além do sono, a alimentação desempenha um papel vital na melhora da imunidade. Durante as mudanças de temperatura, busque se alimentar de frutas, vegetais, proteínas magras e alimentos com muita vitamina C, E, D e A, que são as mais importantes para turbinar a imunidade.


5. Busque ajuda profissional

Por fim, caso esteja fazendo todas essas dicas, mas ainda não viu melhora na imunidade, busque ajuda profissional. Um médico ou nutricionista pode fornecer orientação personalizada e identificar outros problemas que podem estar afetando sua imunidade.
  ‎   ‌

Adaptar-se a essas mudanças pode ser um desafio, mas que com certeza fará toda a diferença na sua saúde como um todo, trazendo mais ânimo para praticar as atividades físicas e seu próprio bem-estar.




Comente esta notícia