logomarca
Cuiabá, 14 de Julho de 2024.

Saúde Sábado, 27 de Abril de 2024, 18:32 - A | A

Sábado, 27 de Abril de 2024, 18h:32 - A | A

Alimentação

Dicas para introduzir mais cores em suas refeições

Descubra com a ajuda de uma especialista, sobre como incluir uma variedade de cores em sua dieta pode beneficiar sua saúde

Divulgação

IMG_0810.png

 


Uma dieta rica e variada em cores não é apenas esteticamente bonita, mas também importante para uma saúde ótima, pela sua riqueza em nutrientes, vitaminas, entre outros. A Organização Mundial da Saúde recomenda a ingestão de ao menos cinco porções de frutas e vegetais por dia, o que pode prevenir doenças crônicas e gerar uma melhora na saúde de forma geral.
 

Segundo dados do Covitel de 2023, menos da metade da população brasileira (45,5%), consome verduras e legumes cinco vezes ou mais na semana. O consumo continua baixo entre no país, apesar de ter aumentado no último ano após uma queda expressiva durante a pandemia (aumento de 15,2% entre 2022 e 2023). A faixa etária que mais come verduras e legumes é com 65 anos ou mais, com 45,5% se alimentando na frequência semanal recomendada. Já os que menos comem são os mais novos, de 18 a 24, apenas 39,2% consomem com frequência.
 

Para Caroline Medeiros, nutricionista e responsável técnica da policlínica universitária do UNASP (Centro Universitário Adventista de São Paulo), consumir uma variedade de cores significa obter uma ampla gama de nutrientes. “Os nutrientes, encontrados em plantas, desempenham um papel crucial na digestão e na eliminação de toxinas do corpo”. 
 

Uma forma prática de incorporar mais cores na dieta é começar pelo café da manhã. Adicionar frutas como bananas, morangos ou mirtilos aos cereais, iogurtes ou panquecas pode enriquecer a primeira refeição do dia com uma explosão de nutrientes e sabores.
 

Almoço e jantar coloridos: Para o almoço e jantar, as saladas são uma excelente maneira de combinar várias cores e nutrientes em uma única refeição. Experimente misturar diferentes tipos de vegetais, como tomates, abobrinhas e pimentões, com folhas verdes para criar pratos tanto nutritivos quanto atraentes.
 

Lanches saudáveis: Nos lanches, opte por frutas secas e nozes, ou vegetais cortados como cenouras e pepinos. Esses snacks são não só convenientes e fáceis de preparar, mas também adicionam uma variedade de vitaminas e minerais essenciais à dieta diária.
 

Educando crianças: Envolver as crianças na escolha e preparação de alimentos coloridos pode ajudá-las a desenvolver hábitos alimentares saudáveis desde cedo. Ensinar as crianças sobre como cada cor de alimento beneficia o corpo pode incentivá-las a fazer escolhas alimentares inteligentes por conta própria.
 

Adotar um prato mais colorido é uma abordagem simples e eficaz para melhorar a qualidade da alimentação e, por extensão, a saúde geral. Aumentar a ingestão de frutas e vegetais de diferentes cores não só ajuda a garantir uma ampla gama de nutrientes essenciais, mas também pode ser uma jornada culinária divertida e deliciosa. “Consumir uma variedade de cores significa obter uma ampla gama de nutrientes. Os nutrientes, encontrados em plantas, desempenham um papel crucial na digestão e na eliminação de toxinas do corpo”, finaliza.
 

Sobre o UNASP
 

O Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP) é uma instituição educacional com 109 anos, oferecendo ensino de qualidade da educação básica ao ensino superior (graduação, pós-graduação, MBA e mestrado) e educação à distância. Conta também com um centro cultural e artístico, experiência internacional como intercâmbios e missões, esportes, entre outros. Com o ensino voltado ao contexto dos valores bíblicos, tem três campi pelo estado de São Paulo, sendo que um na capital, outro em Engenheiro Coelho e em Hortolândia. Para mais informações, acesse aqui.




Comente esta notícia