Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 15-06-2021 às 22:42

Geração narcísica

No artigo “Geração narcísica” o ser humano é muito visual e nos dias atuais não basta ser, tem que parecer, aparecer e aparentar.

| Creditos: Pixabay

Vivemos uma era em que os personagens assumem destaque ao invés das nossas verdadeiras personalidades. Uma geração moldada pela internet, em que o parecer é mais importante que o ser. Vivemos mais através dos outros ou das falsas realidades criadas por nós mesmos. 

Fabiano de Abreu, neurocientista e psicanalista, estuda a questão no âmbito do seu já alargado estudo em como a internet pode afetar a sociedade e a forma como conduzimos as nossas vidas.

"Vivemos hoje numa sociedade que se revela em dois lados; o que somos de verdade e o que somos na tela, no mundo virtual. O problema é quando deixamos de conseguir dissociar o nosso verdadeiro eu do personagem criado. Há uma perda da razão, pois deixa de existir controle sobre o próprio "eu", muito comum no transtorno de personalidade narcisista (TPN).", revela.

O neurocientista continua a sua explicação em como esta cultura instalada está a afetar toda uma sociedade.

" Infelizmente este narcisismo instalado tem pleno espaço para proliferar pois a sociedade é cada vez mais superficial. Desperdiçam a sua existência e não percebem a passagem do tempo, se ocupando daquilo que é do outro sem produzir nada para si mesmo. Isto é revelador da era da rede social, da imagem sem conteúdo.", explica Abreu.

Além disso, o neurocientista explica que a educação é deficitária e essa é uma das consequências.

"O ser humano é muito visual e nos dias atuais não basta ser, tem que parecer, aparecer e aparentar. Este jogo tornou-se demasiado vicioso. Uma competição quase inconsistente num mundo irreal em que os próprios personagens deixam se fazer juízo de si próprios e da imagem que realmente transmitem aos outros", conclui.

Biografia curta

Fabiano de Abreu Rodrigues

Doutor e Mestre em Psicologia da Saúde pela Université Libre des Sciences de l'Homme de Paris; Doutor e Mestre em Ciências da Saúde na área de Psicologia e Neurociência pela Emil Brunner World University; Mestre em psicanálise pelo Instituto e Faculdade Gaio, Unesco; Pós-Graduação em Neuropsicologia pela Cognos de Portugal; Três Pós-Graduações em neurociência; cognitiva, infantil, aprendizagem, Pós-Graduação em psicologia existencial e antropologia, todas pela Faveni do Brasil; Especialização em propriedade elétrica dos Neurônios em Harvard, neurociência geral em Harvard; Especialista em Nutrição Clínica pela TrainingHouse de Portugal.

 

Neurocientista, Neuropsicólogo, Psicólogo, Psicanalista, Jornalista e Filósofo. 

Integrante da SPN - Sociedade Portuguesa de Neurociências – 814, da SBNEC - Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento – 6028488 e da FENS - Federation of European Neuroscience Societies - PT30079.  E-mail: deabreu.fabiano@gmail.com

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.