Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 15-06-2021 às 21:27

“Trabalho Igual, Salário Igual “

A Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais realiza em formato virtual a edição 2021 da Campanha “Trabalho Igual Salário Igual” .

Ao centro a presidente Zilda Zompero, a esquerda a vice diretora jurídica Marilza Moreira e a direita, Cláudia Aquino, diretora jurídica e coordenadora da campanha em Cuiabá. | Creditos: Paulo

No dia 13 de maio, na  segunda edição deste ano do projeto Sala de Debates, uma nova edição da campanha, ocorrerá sob a coordenação da diretora jurídica da BPW Cuiabá, Claudia Aquino. Ela mediará o debate on-line com transmissão pelo @bpwcuiaba, às 18 horas de Cuiabá e 19 horas de Brasília. Serão debatedoras; Gercimira Rezende - Empresária Contábil,  ex presidente da Junta Comercial do Estado de Mato Grosso; Graziele Lima - Juíza Federal do Trabalho e Margareth Buzetti, empresária, suplente de senador. 

A presidente Zilda Zompero destaca que a iniciativa é de grande relevância, tanto nos aspectos econômicos quanto social. O objetivo do projeto “Trabalho Igual” salário igual é alertar o poder público, a sociedade, os empregadores e empregadoras, para que cumpram a Constituição Federal, que dispõe que todos são iguais perante a lei, independente de sexo. 

Cláudia  Aquino cita que o artigo 141 da CLT,  determina que para todo trabalho igual, o salário deve ser igual, para que a prática de discriminação salarial entre homens e mulheres possa ser banida da sociedade.

Abordagens:

- Igualdade salarial entre homens e mulheres - cenário no Brasil e no mundo, e perspectivas para 2021.

- PLC 130/2011 - de relatoria do senador Paulo Paim (PT-RS) - texto prevê, entre outras medidas, *multa para o empregador que pagar salários diferentes entre gêneros para mesma ocupação - retirado de pauta em março de 2021.

O evento virtual contará com o apoio direto da presidente Zilda Zompero; da vice-diretora jurídica, Marilza Moreira, da diretora de comunicação, Neide Alves e da diretora de eventos, Carla Guberth.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.