Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 24-09-2021 às 16:52

De Salvador a Paris: Valentina Saluz, um caso de sucesso

Com uma carreira promissora, tendo em sua trajetória morado em cidades como Londres, New York e Milão, Saluz ganha destaque por trabalhar com grandes nomes da moda e da comunicação.

| Creditos: Reprodução: Instagram @valentinasaluz

Por: Ivna Barreto, Larissa Trinchão e Mika Mattos

Pode ser ousado afirmar, mas há poucas pessoas no mundo que aos 24 anos viveram tanto quanto Valentina Saluz. Hoje, atuando na Europa como Diretora Executiva da agência internacional Nexxt Communications, a baiana vem consolidando seu nome no mercado mundo afora. Com uma carreira promissora, tendo em sua trajetória morado em cidades como Londres, New York e Milão, Saluz ganha destaque por trabalhar com grandes nomes da moda e da comunicação. E também é conhecida no cenário fashion por ser a primeira mulher trans e negra a se tornar Booker. 

Mas, se nos dias atuais podemos acompanhá-la se tornando diretora de uma agência na capital francesa, é fácil notar que toda a sua história é marcada por foco, garra e uma grande vontade de se tornar um nome de relevância no mercado. No Brasil, junto a Nexxt Communications - empresa que também é especializada no segmento de moda e beleza -, Valentina promove palestras e treinamentos para olheiros e agentes de modelos uma ou duas vezes por ano, com o propósito de mostrar o que o mercado está buscando.“Eu também sou Scouting Director [profissional da moda que busca novos talentos], treino essas pessoas, dou palestras, e busco abrir caminhos para uma moda fora do padrão já existente. O futuro da moda é negro, atualmente, em Paris, recebemos emails de marcas pedindo modelos africanos com muita frequência” revela.

Valentina conta que levar a pauta da inclusão e igualdade é o seu principal foco. “A minha assistente é trans, meu modelo Omar Didiba é Africano. Na Nexxt Portugal, o cliente masculino que mais trabalha é o Ivo balde, que também é negro. Então incluir essas pessoas é o meu objetivo”, explica. 

Trajetória 

Sua história no segmento fashion começou aos 17 anos - após atuar em um blog, e, apenas 7 anos depois, podemos dizer que sua vida se transformou por completo.

Saída da capital da Bahia, ela tem em seu currículo passagem por agências francesas e italianas do segmento de moda, que trabalham agenciando modelos para marcas como Louis Vuitton, Gucci e D&G. 

Atualmente, entre os seus principais trabalhos na Nexxt Communications, estão nomes como Victor Sparapane e Caio Paduan, atores da Rede Globo. Junto a eles, o cantor teen Austin Mahone, que fez sucesso com o hit “What About Love”. E também integram o seu time Victoria Jancke, Omar Didiba Gueye, Iago Botelho, entre outras personalidades promissoras da televisão e da moda.

“Saí do Brasil muito jovem, aprendi a falar vários idiomas, tive que provar ser boa muitas vezes para ser vista e levada a sério” revela Valentina em uma publicação no Instagram da Nexxt, ao falar sobre as dificuldades enfrentadas por ser uma mulher trans. “Hoje, nos novos tempos, acredito que com essa representatividade, o caminho para a nova geração será mais fácil. Luto por isso”, explica. 

A trajetória nem sempre foi fácil. No ano de 2020, durante a Paris Fashion Week, Saluz foi alvo de uma piada transfóbica em frente ao La Samaritaine, local onde aconteceu o desfile da Louis Vuitton. Enquanto se dirigia ao backstage do evento, a executiva foi abordada por um influencer que se despediu de Valentina dizendo: “Tchau Rodrigo!”, foi a última fala do rapaz. Ela nem sequer ouviu. Momentos mais tarde, compreendeu o que havia acontecido.

Antes de finalizar seu dia, Valentina recebeu mensagens incessantes de amigos próximos avisando que um vídeo seu circulava no Instagram em uma conta de pouco mais de 550 mil seguidores. Nos comentários, milhares de pessoas faziam piadas sobre a situação, ridicularizando a ex-modelo.

Como prova de força e determinação, Saluz deu a volta por cima e transformou a sua dor em combustível. Hoje, usa sua voz para combater a transfobia, e é um exemplo de determinação e sucesso.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.