Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 16-01-2021 às 22:20

Cinco cantoras de Brasília regravam Imagine, de John Lennon, para ajudar Central Única de Favelas de Brasília

Grupo feminino Elas Cantam Clássicos, que conta com as cantoras Ana Lélia, Daniela Firme, Nathalia Cavalcante, Ana Clara Hayley e Carol Melo, vai disponibilizar código de doação e toda verba arrecadada será destinada ao projeto Cufa Natal Escolar, na capi

| Creditos: Nath Millen e Igo Estrela 

Uma música mundialmente conhecida, cinco cantoras de Brasília e um só objetivo: ajudar ao próximo. Inspiradas pela letra da imortalizada canção Imagine, de John Lennon, o grupo feminino de cantoras brasilienses “Elas cantam clássicos” resolveu apoiar a Central Única de Favelas (Cufa) da capital federal oferecendo o que elas têm de mais precioso em troca de doações para a instituição.

“Vamos lançar o cover da música e pedir a todos que a ouvirem e se sentirem tocados pela nossa versão a fazerem um gesto de amor e doação. A verba arrecadada será destinada a essa organização que necessita de ajuda”, explicou a cantora Ana Lélia, uma das integrantes do projeto. 

“A ideia é fazer exatamente o que a letra prega: um mundo de paz, sem fome, sem guerras com todo mundo compartilhando e vivendo em paz”, salientou. “Dessa música, que se parece com uma oração, vamos fazer uma ação, que é ajudar alguém de forma prática. Escolhemos ajudar, desta vez, a Central Cufa- DF, que vai direcionar a verba para o projeto Cufa Natal Escolar”, completou Ana Lélia, que também é empresária do Girassol Studios e ao lado do produtor Jonathas Pingo.

Além dela, participam desse cover as cantoras Daniela Firme, Nathalia Cavalcante, Ana Clara Hayley e Carol Melo. “A música ficará disponível no Youtube da Cufa-DF e lá terá um link para PicPay em que as pessoas poderão ajudar”, finalizou.

O link de ajuda para contribuir é:abacashi.com/p/natal-escolar

Elas Cantam Clássicos

O grupo formado por cantoras autorais e independentes de Brasília surgiu com a finalidade de se ajudarem como artistas independentes, além de ajudarem ao próximo através de parcerias com projetos sociais. O grupo  foi criado no ano passado, e até hoje, em razão da pandemia, só se apresentou ao público por duas vezes.

Ana Lélia coleciona dezenas de interpretações e canções próprias. A cada semana, ela publica um cover diferente em seu Instagram @analeliaoficial. Duas de suas canções já foram usadas em telenovelas, sendo uma interpretação para Record e uma autoral para TV Globo. Ela está disponível para falar mais sobre o projeto.

 

 

 

 

 

 

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.