Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 14-08-2020 às 11:25

Manicure se consagra com 1 milhão de seguidores no Youtube

Para celebrar a conquista, Villar e sua equipe promovem ações comemorativas e uma live no dia 10 de agosto para anunciar resultado de sorteio

Foi de maneira despretensiosa que Ana Paula Villar descobriu o que iria mudar a sua vida: a manicuração. | Creditos: Divulgação

"Me orgulho muito de carregar essa bandeira de representatividade. Negra, manicure, de origem humilde, filha de empregada doméstica, mãe solteira e gorda", diz ela que hoje comanda o Ateliê Ana Paula Villar e ministra cursos e congressos pelo Brasil e exterior inspirando e ensinando outras mulheres a viverem de unha como ela.

Foi de maneira despretensiosa que Ana Paula Villar descobriu o que iria mudar a sua vida: a manicuração. Mãe de dois filhos e moradora de Rocha Miranda, Zona Norte do Rio, Villar trabalhava em um escritório de contabilidade e para complementar sua renda vendia hambúrguer em um trailer e oferecia serviço de buffet. Um dia, quando teve ajuda de uma amiga para fazer massas das coxinhas que vendia, Ana Paula quis retribuir o gesto e fez suas unhas. E foi aí que tudo mudou: no dia seguinte toda vizinhança já queria ser atendida por ela. Hoje, aos 44 anos, Villar se torna a manicure mais amada do Brasil conquistando 1 milhão de seguidores em apenas 5 anos de canal no Youtube. Além de sua força na internet, a empresária tem um ateliê para atendimento no Rio de Janeiro, onde oferece todos os serviços da área e atende sozinha com horários concorridíssimos e viaja o Brasil e o exterior ministrando cursos e congressos. Mas para quem pensa que ela quer parar por aqui, se engana:

“São anos de muito trabalho, muito choro, um cansaço sem fim, e muitas dificuldades que tive que enfrentar. A sensação é de realização, mas com a certeza de que minha missão ainda não chegou ao fim. É uma mistura de alegria, orgulho da minha profissão e de vitória.Essa marca é muito sonhada por todos os criadores de conteúdo em geral e tenho a certeza que ajudei a dar uma cara nova ao nicho das manicures. É uma vitória minha e de toda a ‘manicurada’ que sofre junto comigo diariamente com a desvalorização do mercado. Estamos crescendo cada vez mais e sei que alcançaremos o que desejamos e merecemos”, conta.

Como em quase tudo na vida, a trajetória até aqui não foi fácil. Além das dificuldades que toda profissão requer, Villar teve que superar situações de preconceito, discriminação e descaso: “Infelizmente vivemos numa realidade onde sempre vai haver gente que se acha melhor que os outros. Me orgulho muito de carregar essa bandeira que tem o sinônimo de representatividade. Sou negra, de origem humilde, filha de empregada doméstica, mãe solteira, gorda e me orgulho muito de quem eu sou. Mas muitas vezes quando estou em lugares nobres, percebo nos olhares e cochichos a expressão: ‘Quem é ela?’,‘Ela é famosa?’. Algumas pessoas ainda fingem que não me veem ou só se aproximam porque fuxicaram minhas redes sociais e viram que tenho números bons. Isso entristece, mas aí lembro que se estou ali, foi porque mereci, porque conquistei condições de estar e assim vou vivendo”, desabafa. 

A empresária, que chegou a falir e teve que recomeçar do zero, conta que sofreu descaso também por parte de marcas e profissionais, que faziam contratos abusivos ou duvidavam de sua capacidade: “Reprovavam o meu jeito espontâneo de ser, de falar, de vestir, e isso foi muito triste. As pessoas em volta não acreditam que vai dar certo, sofri com a exploração de marcas e pessoas que se aproveitaram do simples fato de sermos pobres, talentosos e sonhadores. Mas em contrapartida foi incrível receber a aceitação do público, que às vezes nem era da área. Quebrei tabus literalmente e mostrei que não precisava fazer a ‘bonitinha’, para mostrar a grande profissional que sou. Fui dia a dia derrubando essas barreiras e conquistando meu espaço.”

Mais do que ser admirada por tantas pessoas e colegas de profissão, Villar se tornou ícone de inspiração e exemplo de superação. Todos os dias recebe depoimentos de fãs de todo o Brasil que tiveram acesso as suas aulas gratuitas no Youtube e se motivaram a melhorarem como profissionais e buscarem crescer se reinventando como ela sempre fez: “Antes de inspirar, acho que elas se identificam comigo e com a minha história. Muitas meninas pobres se tornam mães muito cedo e acabam tendo que trabalhar e abrir mão dos estudos e assim estacionam ou muitas vezes mudam de sonho. Quando vêem toda a minha trajetória, elas têm a certeza que também podem mudar de vida, crescer profissionalmente e também como pessoa, mesmo sendo de origem humilde,. O que mais recebo nas redes sociais ou escuto quando tenho a oportunidade de estar com elas, é que de alguma forma mudei a vida e a visão delas, seja com um post, um vídeo, um story isso é sensacional, incrível, me emociono muito.”

 

1 milhão merece comemoração

Para celebrar a conquista, Villar e sua equipe decidiram realizar ações comemorativas para assim contemplarem as manicures, fãs e patrocinadores que os acompanharam nesta trajetória até aqui. No dia 10 de agosto haverá uma live especial no canal da Villar no Youtube com o resultado do sorteio promovido no Instagram da empresária. O sortudo levará para casa diversos produtos do segmento. O anúncio do resultado será um programa ao vivo e totalmente interativo com música, demonstração de design de unhas, convidados e outras surpresas. A live ainda terá um caráter de solidariedade, o público e parceiros poderão doar donativos que serão doados a Casa Crescendo, uma instituição em Colégio que ajuda crianças carentes.

 

Mais sobre Ana Paula Villar:

A carioca Ana Paula Villar virou manicure acidentalmente. Foi ganhando elogios pelas unhas que fazia e quando se deu conta sua popularidade foi se espalhando tanto pelo bairro, que houve a necessidade de chamar algumas outras manicures para trabalharem na garagem de sua casa. À medida que a demanda ia crescendo e sua equipe também, Ana Paula Villar começou a sonhar com um salão maior.

Nessa etapa, seu filho mais velho, designer gráfico teve ideia de mostrar na internet os desenhos artísticos incríveis que saíam daquela garagem, o que aumentou a procura em todos os lugares do Rio. Como o atendimento era feito por ordem de chegada, as pessoas vinham de todo o lugar madrugar na porta de sua casa. O salão existia, mas o que público queria mesmo era aquela unha perfeita que viam na internet. Mesmo o salão abrindo às 9h, 5h da manhã já existiam pessoas em pé, brigando pela vaga e às 9h já tinham de 10 a 20 pessoas em pé no portão.

Ana Paula via o poder de atração e marketing, deu um passo maior do que a perna ao sair da garagem sem capital e ir para um salão enorme, com empréstimos, ela construiu o maior salão do bairro com uma estrutura incrível e uma equipe de quase 20 profissionais. Em um ano ela quebrou e se afundou em dívidas e problemas para manter aquele salão. Ela não tinha tempo de ser "a dona" porque era a manicure mais procurada, então mesmo ela acordando e indo dormir de madrugada, não sobrava tempo para administrar o caixa. Teve 3 salões funcionando ao mesmo tempo, parecia o auge da carreira quando as dívidas a fizeram retroceder, reconhecer seu fracasso e recomeçar DO ZERO.

Em 2015, ouvindo rumores do surgimento de blogueiras e influenciadoras digitais, Villar e sua equipe tiveram a ideia de criar um canal de manicure diferente de tudo que havia no Youtube. Cheio de risadas, fofocas e histórias, unindo assim, a didática impecável da Villar com o entretenimento entre a manicure e a cliente. A maior missão da Villar hoje é VALORIZAR a profissional manicure, que antes foi desvalorizada diante de outros profissionais da área da beleza. A manicure era motivo de descaso, renda extra, bico e a Villar mostrou que é possível viver e sustentar uma família inteira sendo manicure, mostrou que dá para ganhar muito dinheiro fazendo unha.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.