Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 14-08-2020 às 11:05

Pulseira porta álcool gel é novidade nas lojas

Baseada no conceito Slow Fashion marca une tecnologia, sustentabilidade e causas sociais

Além das pulseiras, a VidaBR possui camisetas produzidas com 50% de tecido PET reciclado, duas vezes mais resistente e não precisa passar ferro; e 50% em algodão orgânico. | Creditos: Divulgação

A VidaBR, marca com conceito slow fashion, que une tecnologia, sustentabilidade e causas sociais, acaba de desenvolver uma pulseira porta álcool gel. Feita de silicone, o produto é extra macio e flexível. Além disso, é de fácil utilização. Basta encaixar os pinos dentro dos orifícios, de modo que fique confortável. Depois com uma seringa é preciso apenas injetar o álcool em gel dentro da abertura e pronto. Está pronta para ser usada.

A novidade chegou com a função de tornar a vida das pessoas mais práticas e segura, principalmente, neste momento de pandemia.  Ela é capaz de armazenar até 8ml de álcool em gel, mas também pode ser utilizada para outras finalidades como porta-protetor solar, repelentes, loções hidratantes e luvas químicas. O importante é sempre deixar as mãos e peles limpas e protegidas ao longo do dia.

“Nosso intuito é trazer maior facilidade, simplicidade e segurança para a vida das pessoas, sem esquecer de envolver nesse processo o desenvolvimento sustentável”, conclui Rafael Studart, CEO da VidaBR.

Além das pulseiras, a VidaBR possui camisetas produzidas com 50% de tecido PET reciclado, duas vezes mais resistente e não precisa passar ferro; e 50% em algodão orgânico. Além de proporcionar maior resistência e maciez, possuem o efeito fotossíntese, ou seja, as cores das estampas (árvore, lâmpada, cacto etc.) aparecem na luz solar; máscaras mais sustentáveis, produzidas com uma camada 50% PET, outra 50% de algodão orgânico e mais uma de TNT, garantindo assim, mais segurança; e totens de PVC para álcool gel, com acionamento via pedal.

Valor aproximado: R$ 39,80 (VidaBR)

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.