Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 05-06-2020 às 22:24

"O Show Não Pode Parar" do rapper Hungria une mais de 1 milhão de pessoas no Youtube

Live foi feita no perfil oficial do artista na plataforma

| Creditos: Divulgação

Em tempos de pandemia, artistas de todos os seguimentos têm se engajado para levar entretenimento gratuito para as pessoas que estão reclusas em casa. E, com uma superprodução, Hungria Hip Hop agitou a internet na noite de ontem, com um show de mais de 3 horas transmitido ao vivo, em seu canal no YouTube.

Sem banda, mas usando equipamentos profissionais, o show aconteceu no quintal da sua casa em Brasilia. Acompanhado de algumas câmeras e um drone, a apresentação ultrapassou 1.3 milhão de visualizações e ficou em terceiro lugar como Trending Topics do Twitter.

Além de hits como Coração de Aço, Lembranças, Dubai e Primeiro Milhão, Hungria apresentou seu novo single Made In Favela. A live contou com as participações da família do artista, que sempre declarou ser a base de seu sucesso.

Hungria é um dos artistas nacionais com maior número de visualizações em suas redes sociais. No Youtube ele já foi visto mais de 2,5 bilhões de vezes. O atual single "Primeiro Milhão" acumula mais de 27 milhões de cliques. Nos apps de música são 3 milhões de ouvintes mensais. 

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.