Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 06-07-2020 às 13:39

Mulheres de negócios e profissionais participam de workshop sobre mídias sociais

A Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais – BPW Cuiabá realizou o I Workshop de Mídias Sociais, ministrado por sua Diretoria de Comunicação

Foi ativa a participação das integrantes da BPW Cuiabá | Creditos: Divulgação

Talvez a pergunta que não quer calar nos dias de hoje, seja:  como nos diferenciar em um mundo em constante transformação? Ela, entretanto, começa a ser respondida. Estamos em nosso dia-a-dia, mesmo que sem perceber, receptivos aos mais variados mensageiros instantâneos, e com infinitas facilidades de se conversar com as pessoas, onde quer que elas estejam. Na noite do dia 28 de fevereiro, a Diretora de Comunicação da Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais-BPW Cuiabá, Neide Alves, ministrou um workshop sobre mídias sociais. Um evento no qual o celular não ficou no vibracall. A presidente da organização, Zilda Zompero, sempre muito antenada, prestigiou o evento.

Como o mote da BPW Cuiabá é "O Negócio é o foco", o workshop ocorreu nas dependências da loja Marcos Estofados e reuniu empreendedoras que estarão participando da primeira edição do Business Day BPW Cuiabá, de 2020. A parte prática foi dinâmica, e a diretora contou com a contribuição de Monique Evelin, integrante da Comissão BPW Jovem.

A diretora abriu o workshop destacando a importância do Instagram, como rede que extrapola  muito o pessoal, e fez um alerta para que as empreendedoras se tornem  "digitall influencer" dos seus negócios.

Neide alertou sobre o erro de generalizar a comunicação, e disse que é preciso conhecer, antes de sair falando sobre o o seu  ramo de atuação, o “avatar”, que pode ser traduzido como a  personificação do seu público alvo. O fato de ter o “avatar”, muda a mensagem genérica, para uma informação que atraia o perfil de consumidor que realmente se deseja. Descobrindo seu público, há  mais facilidade para o engajamento através do marketing digital.

Com experiência bem sucedida utilizando o instagram há três anos, potencializando as vendas da sua empresa, a Marco’s Estofados, Neide afirma que o início não foi fácil, e que teve um trabalho de formiguinha. Para quem tem um negócio, na sua avaliação, não é o seguidor o que mais tem que se conquistar, mas sim o comprador. Remetendo a questão inicial em relação de como se diferenciar, a diretora destacou que as ações sustentáveis no ambiente dos negócios é um dos caminhos, pois hoje os consumidores também analisam as empresas que tem uma causa, e que mostram sua essência. "A Marcos Estofados" já contratou uma empresa especializada, a EcoGente para o desenvolvimento do seu projeto de Responsabilidade Social, entendendo a necessidade da empresa computar o que vai além das suas obrigações legais.

Antes de partir para a parte prática da utilização das ferramentas do instagram, Neide também falou sobre as três classificações em relação às empresas, que são: soldado (desbravador, ataca o mercado, tem obrigação de resultados), fazendeiro (estuturada, qualidade e eficiência) e  poeta (intangível, propósito e inspiração).

A geração de empresas do mundo de hoje, conforme explicou a facilitadora é  a poeta, que  por sua linha de trabalho visa deixar um legado para a geração futura. São empreendimentos que não se fundamenta na preocupação com o produto, ou serviço, mas sim com o que  os mesmos vão levar para a vida das pessoas, seja “pra mim, pra você e para nós”. 

Foi um evento muito descontraído, com stories divertidos e com mensagens positivas, produzidas até mesmo por quem nem se imaginava falando para o mundo.

 

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.