Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 19-10-2019 às 23:54

Como sair na frente numa entrevista de emprego

Pouca gente se preocupa com isso, mas pesquisar informações sobre a empresa ajuda muito no processo seletivo

Pesquisar sobre a empresa é sempre uma boa antes da entrevista | Creditos: PixaBay

No primeiro semestre de 2019, o desemprego no Brasil atingiu 12,3% da população, uma média de 13 milhões de pessoas, segundo dados da PNAD (Pesquisa Anual por Amostra de Domicílios Contínua).

Com um cenário cada vez mais competitivo, é preciso estar bem preparado para se sobressair numa entrevista de emprego. Fazer uma pesquisa prévia sobre a empresa, sua história, serviços, entre outros é um grande diferencial que pouca gente leva em consideração.  

 “Quando entrevistamos candidatos, percebemos que muitos deles sequer pesquisaram informações básicas sobre a empresa contratante, o que, em nossa análise, é recebido como certo desinteresse pela vaga”, explica Gabriela Mative, Gerente da Divisão Middle (que trabalha cargos de média e alta gestão) da Luandre, consultoria de RH com 49 anos de atuação no mercado, que atende 200 das 500 maiores empresas do Brasil.

Segundo ela, a entrevista com o recrutador é a porta de entrada para a companhia e é nesse momento que o candidato tem demostrar motivação. “Numa entrevista com grande número de candidatos, além do discurso sobre suas qualidades e experiências anteriores, o profissional precisa demonstrar interesse pela empresa e isso fica claro quando ele descreve como seus conhecimentos podem auxiliar a empresa. É sinal de pesquisa e preparo”, afirma Gabriela.

Abaixo, listamos cinco dicas para se preparar melhor para o momento:

Por onde começar

Assim que receber o contato para a entrevista reserve um tempo e pesquise sobre a empresa. Os dados mais relevantes podem ser buscados no site, redes sociais e até em reportagens da qual a empresa participou.

O que pesquisar

Os principais tópicos são: área de atuação, tempo de mercado que ela possui e seu momento atual. Com essas informações, o candidato está preparado para fazer perguntas relevantes, como plano de carreira e cultura da empresa. “Não costumamos solicitar que o candidato pesquise sobre o estabelecimento, então, caso ele chegue com essas informações, saberemos que está interessado e é proativo” diz Mative.

 

 

O que dizer em causa própria

Não basta saber o seu currículo, o diferencial é falar sobre si próprio e demonstrar como as suas habilidades podem colaborar com as ações da empresa.  

A pergunta que não se esperava

Poucas pessoas estão preparadas para responder à pergunta: “por que você quer trabalhar nesta empresa?”. Gabriela sugere procurar no site a missão e os valores da companhia e entender de que forma seu pensamento está alinhado com eles.

Dress Code

Nessa hora o candidato deve buscar entender alguns pontos importantes: qual o DNA da empresa (mais tradicional ou descontraída) e com qual profissional será a entrevista (o dono ou um analista, por exemplo). Cada caso pede uma vestimenta e um comportamento diferente, pois quem está avaliando também terá percepções distintas.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.