Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 20-10-2019 às 00:11

Férias: especialista dá dicas de como proteger sua residência

Márcio Castilho, oferece dicas valiosas para quem deseja aproveitar esta época do ano com o “pé na estrada”

Além de ações simples que podem ser realizadas, o especialista destacou também, dois modelos de tecnologia que podem ajudar a manter a segurança de uma residência. | Creditos: Divulgação

Agendar viagens durante o período de descanso pode gerar dúvidas de segurança, tanto ao sair de casa e deixá-la sozinha durante um longo período de tempo quanto voltar para residência e se sentir seguro ao entrar, evitando assaltos e sequestros.

Márcio Castilho, especialista em segurança e diretor da Castseg, rede de franquias de segurança eletrônica, oferece dicas valiosas para quem deseja aproveitar esta época do ano com o “pé na estrada”.

Além das dicas mais comuns, como:

  • Deixar alguma luz acessa ao sair por curtos períodos;
  • Pedir aos vizinhos para olharem a casa;
  • Dar voltas no quarteirão para olhar a movimentação da casa antes de entrar, ao retornar de viagem etc.

Além de ações simples que podem ser realizadas, o especialista destacou também, dois modelos de tecnologia que podem ajudar a manter a segurança de uma residência:

Vídeo monitoramento, feito por meio da instalação de câmeras em que o proprietário pode ter acesso a imagens e vídeos dacasa por um aplicativo de celular. Ele terá acesso a tudo que acontece em sua casa de onde estiver. E até mesmo acender e apagar as luzes, passando a impressão que a casa tem sempre movimento.

Rastreamento de veículos que, além de gerir onde o carro está passando e onde está estacionado, que são as funções mais conhecidas, é possível utilizar o serviço durante viagens longas, em caso de viagem em grupo, para que as pessoas não se percam uma das outras durante o trajeto.     

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.