Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 20-09-2019 às 22:30

Primeira visita pet no IBCC acontece na Unidade de Transplante

A visita de pets, ajudam o paciente a se conectar com o que é importante lá fora em sua vida

“A visita foi muito boa, a gente mata a saudade. O Diogo estava bastante agitado e feliz”, afirmou paciente. | Creditos: Divulgação

Uma tarde especial na vida do engenheiro André Richter, de 24 anos. Internado há mais de um mês no IBCC para um Transplante de Medula Óssea (TMO), ele foi o primeiro paciente do IBCC a receber uma visita pet na Unidade. Diogo é o nome do seu Yorkshire, eles estão juntos desde que André recebeu o diagnóstico de Leucemia Mieloide Aguda (LMA), há um ano.

A longa permanência numa Unidade de TMO requer atividades para minimizar o tempo ocioso e a ansiedade do paciente e de seus familiares. Algumas ações, como essa visita pet, ajudam o paciente a se conectar com o que é importante lá fora em sua vida. “A visita foi muito boa, a gente mata a saudade. O Diogo estava bastante agitado e feliz”, afirmou André.

“Para nós é uma alegria sem tamanho poder proporcionar um encontro como este. Sabemos que o emocional precisa de atenção especial no enfrentamento do câncer e quando gestos simples como estes podem ser feitos para a alegria de alguém, nós também ficamos muito felizes”, afirma Line Hiroko, coordenadora assistencial da Unidade.

A mãe de André, Júlia Richter, também ficou entusiasmada com o momento para o filho. “Ele deveria ter seguido a profissão de veterinário, pois gosta muito de cachorro e outros animais e sabemos que isso ajuda”, acrescentou.

A visita foi acompanhada pela equipe médica, enfermagem e foi liberada pelo Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) mediante solicitação do paciente. O animal apresentou-se em condições adequadas de saúde: atestado por médico veterinário, carteira de vacinação atualizada e comprovante de banho pensando na segurança do paciente.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.