Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 25-04-2019 às 04:08

Homenagens na inauguração do Parque da Família

O Parque da Família inaugurado dia 13 de abril traz uma peculiaridade, a homenagem "numa espécie de calçada da fama" para cerca de 900 famílias que ajudaram na construção da história de Cuiabá, ao longo de 300 anos

Neila Barreto, jornalista e mestre em história resgatou as famílias pioneiras, que estão homenageadas no Parque da Família e também em livro | Creditos: Divulgação Lozi/ Marcos Martins e Assessoria da Prefeitura

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, inaugurou no dia 13 Parque da Família, área de lazer e esportes construída em região de plena expansão e valorização  urbana. O parque irá  beneficiar diretamente milhares de moradores de bairros como Bela Vista, Canjica, Terra Nova, Dom Bosco, Jardim Aclimação e outras comunidades vizinhas. No  local foi criado também, uma espécie de "calçada da fama", que homenageará famílias que ao longo dos 300 ano ajudaram na construção da história da capital mato-grossense. A referência foi a obra da jornalista e mestre em história, Neila Barreto, que catalogou, com trabalho de pesquisas iniciadas em 2017, cerca de 900 família, que também constará no livro, de sua autoria, que se encontra no prelo da Editora Entrelinhas. "Tudo será entregue paulatinamente", frisou.

Participante direta na idealização do projeto, a primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, explicou que os nomes dos homenageados serão todos expostos na entrada do parque, seguindo o estilo ‘calçada da fama’. No sábado, foram condecoradas as primeiras 50 famílias e, a cada 15 dias, serão feitos sorteios também de 50 em 50. “Estou muito feliz por ter contribuído, fazendo com que esse parque homenageie tanto aqueles que nasceram aqui quanto os que vieram de outras regiões e construíram suas vidas em Cuiabá”, destacou.

Neila Barreto disse que o Parque da Família é além de um espaço de convivência e entretenimento, é também uma referência para a capital mato-grossense , com a história de famílias  pioneiras. Em dois terminais  terão no memorial das famílias homenageadas, cerca de 900 sobrenomes,  e segundo a mestre em história, ao ser digitado, por exemplo Corrêa da Costa, aparecerá o tronco com a micro-história de quem a originou.

Considerado um divisor de águas na oferta de qualidade de vida para dezenas de comunidades, o Parque da Família já está em pleno funcionamento. O novo espaço foi construído pela Prefeitura de Cuiabá seguindo o conceito de democratização do acesso ao lazer, da inclusão e da integração social. A obra contou com um investimento de aproximadamente R$ 4 milhões, sendo R$ 1,8 milhão aplicados pelo Pantanal Shopping e o restante de contrapartida do Município. 

Dentre as famílias,  o sobrenome da fundadora do Portal Rosa Choque, Sueli Batista dos Santos, que faz parte da Academia Mato-Grossense de Letras, esteve junto das famílias, com seus registros na inauguração.  Neila Barreto  foi que comunicou, sendo que a inserção da sua família se deu, devido ela, dentre outros papéis que desempenha, ser jornalista, poetisa e escritora, e  fazer parte  como "imortal" da Academia Mato-Grossense de Letras. Sueli  ficou muito honrada e compareceu na inauguração com parte de seus familiares, incluindo sua sócia e parceira de vida, Mariza Bazo, com quem lançou o primeiro jornal online de Mato Grosso, o Rosa Choque, que originou o Portal, e  fundou com mais 133 emprendedoras a Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais- BPW Cuiabá, em 2001.
 

As homenagens, no calçamento do Parque , com os sobrenomes das famílias,  foram colocadas  como na  "calçada da fama", orgulho que será levado para a eternidade, por todos que ainda vivem ou que tem familiares que continuarão a caminhada, contribuindo com ações e muito trabalho.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.