Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 22-07-2019 às 22:35

Mais de 150 títulos compõem 18º Mostra do Filme Livre

Maior mostra de cinema independente brasileiro acontece de 27/03 a 22/04 no CCBB São Paulo com entrada franca, seguindo para Brasília, Rio de Janeiro e Niterói (Cine Arte UFF)

Lista conta com mais de 150 filmes entre longas e curtas-metragens | Creditos: PixaBay

A Mostra do Filme Livre divulga a lista dos longas, médias e curtas-metragens selecionados para a sua 18ª edição, que acontece de 27/03 a 22/04, no Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo, seguindo para Brasília (de 16/04 a 12/05) e RJ (de 08/05 a 03/06). Em Niterói, a mostra será realizada de 24 a 29/05, no Cine Arte UFF. Nem todos os filmes serão exibidos nas 4 cidades e toda programação com entrada gratuita.

 

No total, a MFL teve 773 filmes inscritos! Destes, 134 tiveram algum apoio estatal e 254 foram realizados em escolas de cinema e 550, são inéditos no RJ. São Paulo foi o estado que mais enviou filmes,185, seguido do RJ, com 180 e MG com 73. Foram selecionados 126 filmes, outros 27 foram convidados. Até o início do evento outros filmes poderão ser convidados.

 

Nesta edição a MFL vai promover, além de centenas de sessões, diversas atividades, como debates, cursos e oficinas de cinema Super8. Todo o evento é gratuito. O cineasta Sylvio Lanna será o destaque desta edição, com sessões e debates nas três cidades, e o jornalista Geneton Moraes Netotambém terá sua filmografia autoral em Super8 lembrada e debatida nas três capitais.

 

"Nem tudo é questão de grandeza numérica, nem na vida, nem em uma seleção como a que se mostra abaixo. De 1 a 5, de 0 a 10, os filmes não estão presentes ou ausentes nesta lista por uma questão de nota individual, seja ela grande ou pequena. Nenhum filme estaria aqui garantido apenas por si mesmo. Um filme é possível em si mesmo? Existir, sem fazer laço, é desejável? Esta lista, o coletivo, existe porque os filmes, de alguma forma se enredaram, entre si, em nós - curadoria coletiva -, nas sessões e espaços que muitas vezes vemos que vão se esgarçando em seus limites, a depender dos filmes que nos chegam. Vamos nos construindo, de preferência juntos, a multidão-filme-livre. São enlaces, diversos embates, muitas vozes. Um filme aqui está porque se conjugou na primeira pessoa. Do plural. Mais do que nunca, os nós devem ser mais fortes que os verbos centrados no eu. Estamos, claro, abertos ao gesto daquilo que pode irromper. Aos laços com o real também nos lançamos. Um grito, ainda que longínquo e de timbre único, também vem de muitos enlaces. Para além da força (escala, número) é o eco que deve nos trazer aqui." Curadoria MFL2019

 

Confira em www.mostralivre.com a lista completa com os filmes selecionados para a 18ª edição da Mostra do Filme Livre 2019.

 

A MFL é uma criação da WSET Multimídia. Esta mostra é beneficiada pela Lei Federal de Incentivo à Cultura e conta com o patrocínio do Banco do Brasil e apoio institucional da Cinemateca Pernambucana.

 

Serviço:

18ª Mostra do Filme Livre

de 27/03 a 22/04, no CCBB São Paulo

de 16/04 a 12/05, no CCBB Brasília

de 08/05 a 03/06, no CCBB Rio de Janeiro

de 24 a 29/05, no Cine Arte UFF, em Niterói

Entrada Gratuita

 

Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo

Endereço: Rua Álvares Penteado, 112 – Centro | São Paulo – SP

Capacidade Cinema: 70 lugares

Ingressos: serão distribuídos a partir de uma hora antes de cada sessão, na bilheteria do local

Funcionamento da bilheteria: todos os dias, das 9h às 21h, exceto às terças.

Informações: (11)3113-3651 | (11) 3113-3652

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.