Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 19-01-2019 às 11:05

Fibromialgia: entenda a doença que provoca dores generalizadas no corpo

| Creditos: PixaBay

Há alguns meses a cantora pop norte-americana Lady Gaga cancelou sua agenda de shows por conta de uma doença que acomete muitas pessoas pelo mundo: a fibromialgia, uma síndrome clínica que provoca dores musculoesqueléticas generalizada e não tem cura.

Segundo Diogo Pereira, reumatologista do Hapvida Saúde, as causas da fibromialgia ainda são desconhecidas, mas existem vários fatores que estão frequentemente associados a esta síndrome. “Eventos graves na vida, traumas físicos ou mesmo psicológicos, estresse emocional e depressão podemagravar ou desencadear os sintomas da doença”, explica o médico.

A doença, além de muita dor no corpo, causa também fadiga, sono não reparador (a pessoa acorda cansada, com a sensação de quem não dormiu), cefaleia, problemas de memória e concentração, ansiedade, dormências, alterações intestinais e tonturas.

Os sintomas podem ser amenizados com a ajuda de exercícios físicos aeróbicos supervisionados para alívio do estresse, fisioterapia, analgésicos de ação central, drogas antidepressivas e antiepiléticas, que além de serem benéficas na dor crônica melhoram a qualidade do sono.

Estima-se que cerca de 2% a 3% dos brasileiros sofram de fibromialgia, mas as mulheres são as mais impactadas. “Não se sabe ainda o porquê do sexo feminino ser mais atingido pela doença, mas de todos os casos, de 80% a 90% são mulheres com idade entre 30 e 55 anos”, conta o especialista.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.