Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 21-07-2019 às 12:54

Saiba como aproveitar as festas de fim de ano sem atrapalhar o sono

Ao contrário do que muitos pensam, a bebida alcoólica não relaxa e ainda prejudica o descanso

| Creditos: Divulgação

Final de ano é época de festejar. No entanto, há quem exagere na dose e acabe comprometendo a saúde, privando-se do sono e consumindo bebida alcoólica em excesso. Uma pesquisa recente, publicada no periódico JMIR Mental Health, aponta que a ingestão de álcool afeta áreas do sistema nervoso responsáveis pelo estado de “alerta” e “descanso” do organismo. Essa alteração causa desordem na frequência cardíaca durante o sono e faz com que o descanso não seja reparador.

Álcool demais e sono de menos causam um desgaste abusivo do corpo e da mente, de acordo com a Consultora do Sono da Duoflex, Renata Federighi. “Sabemos que as pessoas querem aproveitar ao máximo as festas de fim de ano, mas é importante que entendam que os exageros são perigosos e que o corpo precisa recuperar as energias, para que, no dia seguinte, se mantenham dispostas e, sobretudo, com a saúde em dia”, alerta.

A especialista recomenda manter a moderação intercalando a bebida com água, pois essa medida ajuda a diluir a concentração de álcool no sangue. “Além disso, é importante evitar o consumo do álcool uma hora e meia a duas horas antes de ir dormir. Ao contrário do que muitos pensam, a bebida alcoólica não relaxa. Após alguns goles, ela pode afrouxar as estruturas da região da faringe, comprometendo a respiração. E o resultado é o ronco, que prejudica o sono”, orienta Renata.

Além disso, na hora de dormir é indispensável que alguns hábitos sejam preservados, dentre eles, manter um ambiente arejado, escuro e silencioso, seguir uma alimentação leve e saudável, se hidratar bem e a utilização de travesseiro adequado ao biótipo da pessoa. “Para dormir com conforto, relaxar melhor e evitar microdespertares, o travesseiro deve preencher completamente o espaço existente entre a cabeça e o colchão, formando um ângulo de 90 graus no pescoço, mantendo coluna cervical e lombar sempre alinhadas. Durma, de preferência, de lado, com as pernas semiflexionadas e mantenha um travesseiro baixinho entre elas, a fim de evitar a rotação da coluna e os atritos entre os joelhos e os tornozelos”, indica a consultora da Duoflex.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.