Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 13-12-2018 às 12:06

Dicas para quem quer deixar o setor público e encarar o mercado privado

| Creditos: PixaBay

Quando se opta por mudar de emprego, saindo do setor público para a iniciativa privada, a possibilidade de ganhar mais é elevada, mas há grandes desafios a frente. Além da adaptação, a perda da estabilidade e de certos benefícios adquiridos. Mesmo assim, existem pessoas que procuram novas oportunidade por diversos motivos - além do salário, fatores de insatisfação no setor e um simples desejo de mudar.

“Muitas pessoas optam por este caminho e são bem sucedidas. São trabalhadores que querem mostrar o seu talento em um novo setor fora do ambiente público, talvez insatisfeitas com o que fazem e que entendem que é possível ganhar um lugar ao sol no mercado privado” explica o Coordenador de Recursos Humanos da RH NOSSA Pedro Gonçalves de Lima

Para se dar bem nessa mudança, o especialista separou algumas dicas interessantes::

Tem que ter conhecimento

“Não dá para fazer esta mudança de uma hora para outra sem saber o que vai fazer. A pessoa que vai fazer esta transição do setor público para o privado precisa estar bem preparada para o que vai acontecer. Um emprego no setor privado tem outra dinâmica, é necessário um conhecimento um pouco diferente até mesmo pelos processos internos. O mercado tem outra pegada.”   

 

Saber onde está entrando

“Ter conhecimento de onde está entrando. Recomendo estudar o mercado e prever o que pode acontecer. São muitas as possibilidades que podem se abrir se esta pessoa vier com a lógica e a visão do setor público, dependendo da situação, o próprio mercado pode trazer situações complicadas.”

 

Reserva financeira

“Toda mudança precisa ter uma segurança de dinheiro, pois no começo as coisas podem ser um pouco difíceis  Não tem mais a estabilidade do setor público de antes, portanto ter uma poupança dá um pouco mais de tranquilidade. Muitos optam por trabalharem por comissão, então os ganhos podem ser variáveis.”  

 

Saiba como se comportar

“Tem esta questão da postura também. É preciso  estar aberto à mudança. Se a pessoa mudar para o setor privado e for muito rígido no sentido de ser pouco adaptável, não vai dar certo mesmo.”       

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.