Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 13-12-2018 às 12:50

Produtos e materiais para trazer conforto e o bem-estar

| Creditos: Divulgação

Morar bem e com conforto nem sempre depende apenas de um imóvel espaçoso, com boa iluminação e uma decoração escolhida a dedo pelos seus moradores. Alguns fatores como localização, temperatura, barulhos externos, poluição podem influenciar diretamente no bem-estar e na maneira de se viver, principalmente nas grandes cidades.

A boa notícia é que, hoje em dia, com a ajuda de um bom profissional e dos inúmeros produtos e materiais disponíveis no mercado, é possível atenuar alguns desses problemas e deixar a casa ou apartamento muito mais confortável e aconchegante.

“É muito comum quando compramos um imóvel, ou mesmo quando nos mudamos para uma casa ou apartamento, percebermos posteriormente algum desconforto por causa de ambientes quentes ou frios demais, ou até do barulho vindo do lado de fora. O ideal nesses casos é solicitar a ajuda de um profissional e, em muitos casos, não é preciso nem muito investimento”, explica Gabriela Coelho, da Inkoa, incorporadora com seis anos de atuação no mercado imobiliário.

Pensando nisso, a arquiteta enumerou alguns produtos e materiais que podem ser bons aliados quando o assunto é conforto térmico, acústico e até mesmo para ajudar manter o ar purificado dentro de casa:

 

Drywall

Muito utilizado em construções no exterior e ganhando cada vez mais espaço no Brasil, o drywall é um sistema de alta tecnologia para construção de paredes e forros que combina estruturas de aço galvanizado com chapas de gesso de alta resistência, produzidos com rigoroso padrão de qualidade, proporcionando isolamento acústico e térmico.

“A grande vantagem da utilização do drywall, tanto em novas construções como em reformas, é que, além do material gerar menos entulho na obra, é comprovado seu desempenho térmico e acústico quando instalado nos mais variados ambientes”, explica Gabriela.

Hoje em dia, o drywall deixou de ser apenas uma opção para fechamento de divisórias e forros e se tornou um elemento decorativo importante na arquitetura. São várias as opções de placas de drywall disponíveis no mercado: resistente ao fogo, ao impacto, à umidade; placas curvas e até às que ajudam a combater a proliferação de fungos e a formação de mofo.

 

Vidros antirruído

Só quem mora em grandes centros urbanos ou próximo de avenidas muito movimentadas sabe o incômodo e a irritação que os sons provenientes de carros, aviões ou até de pessoas podem causar diariamente. Assistir TV ou até mesmo conversar pode se tornar um sufoco se o imóvel localizado nessas áreas com muito fluxo de veículos e pessoas não tiver uma barreira para esses sons indesejáveis.

“Com uma boa vedação e o vidro certo aplicado em uma janela, é possível reduzir em até 35dB o nível de ruídos externos”, explica Gabriela. Além de funcionar como uma barreira, as janelas antirruídos também conseguem oferecer isolamento térmico.

 

Plantas e vegetação

Muita gente não sabe, mas as plantas, quando utilizadas dentro e fora de casa, também são uma grande aliada no controle da temperatura e do barulho.

“Além de serem elementos decorativos e estéticos que podem ser utilizados em qualquer ambiente, as plantas também ajudam a filtrar os ruídos e a proporcionar conforto térmico dentro de casa”. Para quem tem espaço, a dica é usar e abusar de vasos com folhagens ou arbustos perto ou cobrindo as janelas”, afirma Gabriela.

 

Painéis Acústicos

Este tipo de material, geralmente fabricado com lã de vidro, também proporciona conforto acústico ao minimizar a propagação de ruídos. Os painéis acústicos absorvem grande parte dos sons indesejáveis dos ambientes onde são aplicados, melhorando a qualidade sonora.

“Outra vantagem dos painéis acústicos é que o usuário pode adquirir quantas placas achar necessário e, na maioria das vezes, a instalação pode ser feita por ele mesmo. Hoje em dia, há uma infinidade de cores, tamanhos e texturas de placas e a composição de vários modelos diferentes pode criar ambientes surpreendentes”, explica Gabriela.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.