Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 18-11-2018 às 19:26

O que os PJs precisam saber sobre retiradas da empresa

| Creditos: Divulgação: KAKOI Comunicação

Você trabalha duro, empreende, faz das "tripas o coração" para o seu negócio dar certo e então tudo começa a fluir muito bem. A empresa começa a dar lucro e chega o momento de colher os frutos de tanto esforço. Tudo merecido e justo, mas é bom ter atenção na hora de sacar dinheiro do seu negócio.

Para a sócia fundadora do Contabfácil, ferramenta online que trata de toda a contabilidade de empresas do Simples Nacional, Profissionais Liberais e MEIs, Karina Meinberg, é possível ter uma empresa e fazer retiradas sem problemas com o Fisco:

"Pode sim fazer retirada de dividendos sem nenhum problema. Mas para tanto é preciso que a empresa esteja tendo lucro, obviamente. Se for uma empresa Pessoa Jurídica, a chamada PJ, isso sempre acontece.  Nestes casos específicos o Fisco entende que é possível retirar da sua empresa como dividendos, sem tributação na Pessoa Física, o limite de presunção do faturamento. No caso de empresas de serviços, este percentual é de 32% ."

Karina explica que na prática as PJs pagam imposto e contador, sendo que o resto é 100% lucro registrado como dividendos:

"Para que este valor não seja tributado, a pessoa precisa, obrigatoriamente, ter um balanço assinado por um contador. Quase ninguém sabe disso e na prática a fiscalização é muito pequena, mas o risco existe" finaliza.  

A opção mais indicada para isso é uma contabilidade online que faz todo serviço de um contador tradicional por um preço sensivelmente menor. Para pjs em que cada centavo faz diferença no resultado final, vale muito a pena.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.