Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 10-12-2018 às 15:23

Três procedimentos estéticos que ajudam na guerra contra efeito sanfona

Oscilação de peso contribui diretamente para o aumento da flacidez

| Creditos: PixaBay

Se emagrecer requer disciplina e muito foco, conseguir manter o peso é mais difícil ainda. Neste cenário, após mudanças radicais e dietas da moda, é comum que muitas pessoas voltem ao peso inicial, resultando no temido efeito sanfona.

De acordo com Ingrid Peres, gerente científica e fisioterapeuta dermato-funcional da ONODERA Estética, além de ser prejudicial ao organismo, o efeito sanfona contribui diretamente para a flacidez, que pode ocorrer tanto na pele quanto nos músculos. “A flacidez do músculo é provocada pela perda do tônus muscular e tem como principais causas o sedentarismo, falta de exercício físico e alimentação inadequada. Já a ocorrência desse problema na pele é ocasionada pela perda de elementos do tecido como fibroblastos, colágeno e elastina, o que diminui a firmeza entre as células e causa um aspecto envelhecido.”, explica.

Para combater o efeito sanfona, é imprescindível seguir uma alimentação balanceada e praticar exercícios físicos regularmente. Outra opção é apostar em tratamentos estéticos, que ajudam a prevenir e diminuir a flacidez da pele. Abaixo, Ingrid indica o que há de melhor no mercado estético:

 

Trilipo – O procedimento combina a radiofrequência tripolar com a ativação muscular dinâmica, como explica Ingrid: “esse tratamento cuida da flacidez tissular e muscular simultaneamente. Agindo profundamente na pele, acelera o metabolismo da gordura natural, liberando as células adiposas, reduz a circunferência, melhora o contorno corporal, aumenta a circulação sanguínea e linfática e otimiza a oxigenação do tecido”. Para bons resultados são necessárias no mínimo dez sessões, com duração de 20 a 40 minutos, dependendo da área tratada. Vale destacar que o procedimento pode ser feito uma vez por semana e em qualquer época do ano, pois os raios solares não interferem no tratamento.  

 

PowerShape – Com três tecnologias: sistema de sucção, luz de LED e radiofrequência, a técnica ativa a circulação sanguínea, além de estimular a produção de colágeno e fibras elásticas. “A radiofrequência combinada com o led que aumenta o metabolismo da gordura e estimula o colágeno, melhorando a aparência da pele e o contorno corporal”, comenta a profissional. Cada sessão dura 20 minutos, por região do corpo, e deve ser realizada uma vez na semana com o mínimo de 10 sessões. 

 

Shape Redux – O tratamento une técnicas de massagem modeladora e corrente russa. Além dos procedimentos para reduzir e fortalecer a musculatura, as manobras são realizadas com produto exclusivo da ONODERA Happy e Thermo Redux, promovendo ação vasodilatadora e lipolítica potente, ajudando no aumento da oxigenação, nutrição, hidratação e redução da célula de gordura. Recomenda-se 10 sessões com duração de 50 minutos. 

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.