Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 20-10-2018 às 08:22

Sono após o almoço? Descansar alguns minutos faz bem

Cochilo vespertino tem efeitos reparadores, aumenta a disposição e diminui o cansaço

| Creditos: Divulgação: Dezoito Assessoria de Imprensa

O que fazer quando bate aquele soninho depois do almoço? A boa notícia é que cochilar à tarde faz bem e oferece benefícios à saúde do corpo e da mente. Hábito comum da cultura espanhola e italiana, a famosa “sesta” (ou soneca após o almoço), aumenta a disposição e a produtividade nas tarefas diárias, diminui o cansaço e melhora a concentração e o desempenho cognitivo. De acordo com pesquisa realizada pela Universidade de Saarland, na Alemanha, cochilar por 45 minutos melhora significativamente a memória.

O objetivo desse cochilo é liberar espaço para armazenar informações e priorizar a absorção de novos conhecimentos. Entretanto, é necessário ter cuidado com o tempo de duração, para que não prejudique o sono noturno ou para que o descanso não tenha o efeito contrário durante o resto do dia. O tempo ideal pode variar de pessoa para pessoa, mas é indicado que dure de trinta minutos a uma hora.

Mas por que bate o sono? Segundo a Consultora do Sono da Duoflex, Renata Federighi, “ter sonolência após uma refeição é natural, porque é neste período em que o cérebro está trabalhando com maior lentidão, já que durante a digestão parte do fluxo sanguíneo é desviado para o estômago, moderando a capacidade de sangue em outras áreas como o cérebro e os músculos”, esclarece.

Mesmo curtinho, o sono da tarde também exige níveis baixos de luz e ruído, um travesseiro adequado ao biótipo da pessoa e não deve ser adiado para o final do dia. “O ideal é tirá-lo após o almoço. Mas, se o indivíduo estiver agitado após a refeição, é aconselhável ir desacelerando até o momento do cochilo. Vale reforçar que é no escuro que o cérebro produz a melatonina, hormônio que regula o sono. Portanto, uma venda nos olhos ajuda a simular o descanso noturno, potencializando o descanso”, orienta Renata.

 

Fique atento

Tirar aquela soneca após o almoço não faz mal a ninguém, mas quando os cochilos passam a ser constantes no dia a dia, isso pode ser um indício de que algo está errado. “Embora uma sonolência passageira logo após o almoço possa estar ligada ao processo digestivo, a melhor medida é buscar por um diagnóstico mais preciso, realizado por um profissional especializado”, finaliza.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.