Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 21-08-2018 às 05:44

Potencial brasileiro para a implantação museus

| Creditos: PixaBay

No próximo mês, o Brasil comemora os 200 anos de fundação do Museu Nacional (RJ), hoje vinculado à Universidade Federal do Rio de Janeiro, um marco para o estabelecimento dessas instituições em terras brasileiras. No início do século eram 12 museus existentes e hoje são mais de 3,8 mil, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), do Ministério da Cultura.

Do total de museus mapeados, 40% estão na região Sudeste e 27% no Sul do País. Nessas regiões estão concentradas 2540 instituições, sendo São Paulo o estado com o maior número (667), seguido por Rio Grande do Sul (475), Minas (432), Rio de Janeiro (324) e Paraná (302). A região Nordeste tem 21% da representatividade, com 809 museus. Já as regiões Norte e Centro-Oeste juntas tem apenas 459 instituições, o que representa 12%.

“Embora o número de museus tenha aumentado, o Brasil tem potencial para implantação de novas instituições. Para se ter uma ideia, no último levantamento realizado pelo Institute of Museum and Library Services (agência governamental independente que registra o número e o tipo de museus), em 2014, os Estados Unidos - com extensão territorial próxima a nossa -  contam com mais de 35 mil instituições, sendo maioria de pequenos museus, quase familiares”, afirma Nelson Colás, diretor de Relações Institucionais da Federação de Amigos de Museus do Brasil (Feambra). “O cenário é animador se pensarmos nas potencialidades. Entretanto, não podemos esquecer que ainda é necessário avanços na preservação, investimentos e qualificação de pessoal”, finaliza Colás.

 

Museu Nacional (RJ)

Com acervo de mais de 20 milhões de itens, constituído principalmente por itens relacionados às áreas de Antropologia, Botânica, Entomologia, Geologia e Paleontologia, o Museu Nacional/UFRJ é a mais antiga instituição científica do Brasil voltada à pesquisa e à memória da produção do conhecimento, hoje reconhecida como centro de excelência de pesquisa em história natural e antropológica na América Latina.

 

Alguns números a partir da criação do Museu Nacional (RJ)

Após a Independência do Brasil novas instituições foram fundadas:

1838 - Museu do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro;

1895 – Museu de História Natural – Hoje Museu Paulista Ipiranga

1903 – Museu Júlio de Castilhos

1912 – Museu Paranaense

 

No período Republicano, destacam-se a criação:

1922 - Museu Histórico Nacional

1937 - Museu Nacional de Belas Artes

1938 - Museu da Inconfidência

1940 - Museu Imperial

1941 - Museu de Arte Brasileira; acoplado às dependências da FAAP

1951 - Museu de Arte de São Paulo MASP

1948 - Museu de Arte Moderna de São Paulo MAM

1954 - Museu de Arte do Rio Grande do Sul

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.