Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 19-10-2018 às 22:13

Performance rosa nas verdes pastagens de Tocantins

Uma história que serve de inspiração para outras mulheres. Elizangela Costa Sousa Santos é uma vencedora na vida e como empreendedora na área rural. Viúva, superou os obstáculos de gênero e desenvolveu com muita competência a Fazenda W.A

Elizangela Costa Sousa Santos, destaque como produtora rural em 2017 | Creditos: Divulgação e Cícero

O ano de 2017 foi marcante para a agropecuarista Elizangela Costa Sousa Santos, proprietária da Fazenda W.A situada na região norte do Estado do Tocantins, no município de Araguatins/TO. Ela conquistou o primeiro lugar nacional no Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, na categoria Produtora Rural. Tem deixado, portanto, o seu exemplo para que mulheres de fibra possam se espelhar, pois para a empreendedora premiada, “para alcançar sucesso nos negócios, é necessário encarar os seus projetos como um desafio pessoal. Buscar parcerias para conhecimento técnico e suporte financeiro. Nunca se deixa abater com as dificuldades. Traçar metas e buscar a concretização”.

Elizangela tem 41 anos, viúva, mãe de dois filhos. Sua história empreendedora teve início há 14 anos, logo após o falecimento do meu esposo, quando precisou assumir a administração da fazenda, única fonte de renda da família. “Tomar à frente de um negócio administrado por um homem, não foi fácil, até porque no início, eu só tinha uma base teórica, em virtude da minha formação”, disse, destacando que é Técnica Agropecuária.

Para adquirir conhecimento prático, mais aprofundado acerca da propriedade, Elizangela conta que  lutou sem me importar com o que poderia enfrentar pela frente, “arregacei as mangas e parti em busca de parcerias com entidades importantes como o Sebrae Tocantins, Embrapa, IFTO e Entidades Financeiras, com o intuito de conseguir recursos financeiros e tecnologias capazes de melhorar o negócio, tudo pensado e planejado de acordo com a minha realidade financeira da época”. 

Com a ajuda de técnicos do Sebrae Elizangela recebeu orientação para maximizar a gestão da empresa (parte administrativa), em seguida, contou com um suporte para realizar uma correção do solo e iniciar um manejo animal diferenciado, focado em nutrientes e pastagens.

Naquela época, conseguiu mão de obra que lhe deu suporte na execução das atividades, e ela lembra que “não foi fácil, visto que, não era comum uma mulher estar à frente desse tipo de empreendimento, e por uma questão cultural, é sabido que homem não gosta de ser gerenciado por mulher”. No entanto, com o passar do tempo, a partir dos resultados do seu trabalho, pois deixa claro que  nenhuma atividade em sua aconteceu sem a sua participação,  ela  conseguiu a aceitabilidade e o respeito dos colaboradores, fornecedores e clientes, investiu na criação de animais, com foco em gado de corte e de leite, considerado o carro chefe do seu negócio. “Hoje minha empresa é considerada padrão na região, inclusive, já recebi visitas de jornais do estado e de duas missões técnicas nacionais, entre elas a Missão de Roraima”, destacou. 

Seus valores são ressaltados em sua trajetória de sucesso, pois destaca que a  honestidade que trouxe  de berço e o trabalho realizado, foram fundamentais para que ela conquistasse, além de uma carteira de clientes, uma equipe de grandes colaboradores, que têm ido ao encontro do que planejou para a empresa. O diálogo ela procura sempre manter forte no envolvimento de seus colaboradores, considerados parte essencial do negócio, como também nas tomadas de decisões. Ela diz que valoriza a mão de obra local e dá  preferência para trabalhadores de um povoado próximo a fazenda. Dessa forma o seu empreendimento tem contribuído para o aumento dos empregos e para a melhoria da renda na região. 

A Fazenda W.A tem entre seus destaques na sustentabilidade o desenvolvimento de ações de preservação do meio ambiente, a partir da reciclagem de pneus de carro e bicicleta para confecção de artigos de decoração da fazenda e está realizando um reflorestamento totalmente legalizado, que conta com o cultivo de árvores nativas, algumas em extinção. A empresa vai além de suas obrigações legais, preserva além do que é determinado pela legislação, e investe na utilização de herbicidas.

O relacionamento com seus clientes também é um ponto alto da Fazenda W.A, pois é estreito e fidelizado. A retroalimentação vem do atendimento das necessidades dos mesmos, estando atenta com o mercado e as novas tecnologias.

Com o amadurecimento do seu negócio, Elizangela constatou que o aumento do faturamento, analisado a partir de relatórios anuais, tem refletido na melhoria da qualidade de vida da sua família e da ampliação do patrimônio. Com os recursos obtidos, ela faz aplicações e reinvestimentos. Faz tudo com visão voltada não só ao presente.

 “O meu desejo para o futuro, é que meus filhos se tornem sucessores deste negócio e o torne ainda mais rentável e que o meu negócio sirva de exemplo para inúmeras mulheres, visto que, quebrei um tabu, quando sem perder a vaidade feminina, me dediquei ao trabalho na atividade agropecuária, característico do sexo masculino fiz predominar nesta área a cor rosa e a delicadeza da mulher”, frisou. 

O Prêmio Sebrae Mulher de Negócios é realizado em parceria com a Federação das Associações de Mulheres de Negócios e Profissionais-BPW Brasil, a Fundação Nacional da Qualidade-FNQ e o Governo Federal, através da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres- SPM.  Foi em novembro do ano passado, que a produtora rural  Elizangela Costa Sousa Santos, muito emocionada, recebeu pelas mãos da presidente da BPW Brasil, Eunice Cruz (foto)o  Prêmio Sebrae Mulher de Negócios.

 

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.