Jornal Rosa Choque
Publicidade

Universidade lança curso de Direito Homoafetivo

A instituição é a primeira no Rio de Janeiro a oferecer um ensino neste segmento

O curso é resultado de parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro (OAB-RJ) | Creditos: PixaBay

Com foco nas questões sociais e procurando produzir o conhecimento jurídico sobre as questões homoafetivas como uma forma didática de quebrar paradigmas sociais, a Universidade Castelo Branco (UCB), inicia em setembro o curso de Direito Homoafetivo, na modalidade de pós-graduação. A instituição é a primeira no Rio de Janeiro a oferecer um ensino neste segmento, resultado de sua parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro (OAB-RJ).

 

Leia mais:

Revitalização do Deville Prime foi apresentada para Imprensa

As vantagens financeiras de se dedicar a uma atividade extra 

 

O Diretor da Escola de Direito da UCB, professor Felipe Asensi, explica que  procurou a Comissão de Direito Homoafetivo com a proposta de inovar o ensino e atender a missão da Universidade, em prática desenvolver a democracia e a igualdade no Brasil. "A UCB é uma instituição filantrópica que busca fomentar ações democráticas. O tema da homoafetividade tem a ver com a igualdade e se trata de uma questão que bate à porta da Universidade. O cenário atual do país em relação às questões da homoafetividade destaca a urgência e importância da discussão sobre o assunto. A Universidade partiu deste principio para criar o curso de pós ", afirma Asensi.

 

Curta o Portal Rosa Choque no Facebook

 

A primeira oferta do curso será no campus Centro, Rua Gonçalves Dias, 56 ,  mas o objetivo é expandir para a unidade de Realengo e, futuramente, para o Ensino a Distância ( EaD). A pós terá as  supervisões de Felipe Asensi e da Presidente da Comissão de Direito Homoafetivo da OAB-RJ, Raquel Castro.
 
Serviço
Pós-graduação Direito Homoafetivo
Quando:
Setembro 2017 
Local: Campus Centro UCB (Rua Gonçalves Dias, 56 – Rio de Janeiro).
Informações: no site da institição

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.