Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 21-07-2019 às 13:01

Como acabar com carrapatos?

| Creditos: Shutterstock

Quando nosso cachorro pega carrapatos, não é apenas a tranquilidade de seu animal de estimação que deve ser considerada. Obviamente, a coceira é algo terrível para seu cão, mas é importante saber que os carrapatos podem trazer inúmeros problemas de saúde para seu pet e sua família. Por isso é muito importante acabar com os carrapatos o mais rápido possível, a fim de evitar que o problema se agrave. Em geral, é muito difícil acabar com carrapatos em casa, no cachorro e no ambiente. Se você tem cachorros filhotes a atenção aos carrapatos deve ser redobrada, pois filhotes são ainda mais sensíveis e suscetíveis a desenvolver doenças, como a doença do carrapato.

O carrapato é um ácaro parasita que suga o sangue do cachorro ao aderir na pele, ele varia entre meio centímetro a um centímetro de diâmetro. Tem uma cor cinza escuro amarronzada, e parece com uma lentilha com pequenas pernas de cada lado.

Para descrever de uma forma menos resumida, os carrapatos são animais artrópodes e vivem sob o corpo de algum hospedeiro, que podem variar entre animais de estimação, animais silvestres e pessoas. Os carrapatos são animais hematófagos ou seja, se alimentam com o sangue de seus hospedeiros, por isso, atuam como vetores de agentes patogênicos, como protozoários, bactérias e vírus, etc. O tamanho do carrapato varia bastante. Podemos encontrar carrapatos de vários tipos. Os muito pequenininhos, também chamados de micuins, carrapatos maiores, carrapatos com e sem escudo ou carapaça e carrapatos ingurgitados (carrapatos cheios de sangue).

É fácil reconhecer um carrapato adulto, já que eles não saltam como fazem as pulgas, por isso a maneira mais eficaz de ter certeza de que seu cão está com carrapatos é fazer uma vistoria na pelagem de seu peludo de forma regular. Já falamos a respeito da importância de fazer anamnese regular em seu cão, para poder detectar previamente sinais de doenças. Se você tiver interesse em saber mais sobre este assunto acesse: Aprenda detectar sinas de doença no seu cão fazendo anamnese.

No entanto, não existe uma regra para isso, os carrapatos podem ficar em todo o corpo de seu mascote e os cães de pelagem longa, tendem a sofrer mais em caso de uma infestação de carrapatos, pois é muito mais fácil para o carrapato se alojar na pele destes cachorros sem ser notado pelo proprietário e consequentemente é muito mais difícil para nós, localizá-los na pele dos cães, principalmente os de pelagem mais escura.

Quando o carrapato ainda está em estado larval, ele é mais difícil de ser localizado na pele dos cães já que seu tamanho é muito pequeno.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.