Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 28-02-2020 às 23:45

Publicitária e fotógrafa se dedica a fotografar pet e inspirou sua filha

A junção do amor entre família e pets reproduz fotos pela equipe

A fotógrafa comenta que hoje tem muito pet sendo tratado realmente como filho e muitas pessoas estão deixando de ter filhos para ter pets. | Creditos: Pet Photos

A compaixão para com os animais é das mais nobres virtudes da natureza humana”, já dizia o cientista Charles Darwin, que desde 1809, acreditava no respeito e amor entre animais e seus donos. Um exemplo atual é a fotógrafa de pets, Elayne Massaini, 47 anos, que por intermédio de seu pai, herdou uma grande paixão por cavalos e fotografia, decidindo unir os dois.

A diretora da empresa Pet Photos, Elayne, em parceria com sua filha Alessandra, resolveram abrir um negócio focado no mercado fotográfico de animais, “O amor pelos pets acho que nasce com a gente, sempre existiu, mas floresceu muito com a adoção dos meus cinco filhotes. Além de amar muito os animais, achei que era um mercado fotográfico ainda pouco explorado, com grande potencial de crescimento”, afirma Massaini.

Formada em Publicidade e Propaganda pela FAAP, Elayne sempre foi a fotógrafa da turma, e realizou cursos na área para se especializar nas fotos. Além das primeiras fotos apaixonantes com cavalos, a empresária efetuou trabalhos fotográficos de culinária, casamento, festas, books de debutantes, bebês, gestantes e outros temas.

Em agosto de 2009, Massaini resolveu se dedicar integralmente ao trabalho de fotógrafa, logo após o falecimento de seu pai, e fechamento da empresa de treinamento em que ela trabalhava. A grande inspiração de Elayne foi uma fotógrafa da Nova Zelândia que também produzia fotos de animais, sendo assim ela iniciou os registros da sua cachorrinha Giuly e outros pets de amigos. “Gostei do resultado e busquei por clientes, mas na época não vieram. A procura maior era por fotografia de festas infantis e ensaios de gestantes. Deixei os pets um pouco de lado, até a chegada de meus novos filhotes em 2014, duas cadelas e três gatos, todos SRD, adotados, que muito me inspiraram para voltar à fotografia de pets”, explica Elayne.

O mercado pet está em crescimento a cada ano em vários setores, a fotógrafa comenta que hoje tem muito pet sendo tratado realmente como filho e muitas pessoas estão deixando de ter filhos para ter pets. Além de receber alimentação especial e passeios, eles também participam das sessões de fotos e álbuns de família. 

Massaini realiza gratuitamente fotografias para a ONG onde adotou seus pets, a APAA - Associação Paulista de Auxilio aos Animais. “Sempre que possível vou à feirinha de adoção que eles promovem todo final de semana, monto um estúdio no local e fotografo os gatos e cachorros para auxiliar na adoção. Felizmente eles me confirmaram que ajuda quando eu faço as fotos, inclusive a última cachorrinha que adotei foi num dia que fui simplesmente para fotografar e acabei voltando para casa com mais um filhote. Minha família fica até receosa quando digo que vou à ONG fotografar”, conclui Elayne.

Há poucos meses, a fotógrafa iniciou um projeto: criação de estampas de cães, gatos e frases para camisetas, canecas, capas de celulares e almofadas. Este serviço é divulgado por meio de uma loja virtual e conta com outras ideias, como colocar a venda pouco à pouco mais produtos personalizados para pets e seus tutores. 

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.