Jornal Rosa Choque
Publicidade

Cuiabá - MT, 22-07-2019 às 12:25

Estudo diz que hóspedes de hotel preferem ser atendidos por mulheres

Isso é o que diz um recente estudo realizado por pesquisadores norte-americanos

| Creditos: Shutterstock

Funcionários do sexo feminino, que pesem mais do que a média considerada saudável para a própria altura, são percebidos como mais competentes e gentis pelos hóspedes de hotéis. Isso é o que diz um recente estudo realizado por pesquisadores norte-americanos. Eles constataram ainda que tais percepções levam os estabelecimentos a receberem avaliações mais positivas dos clientes.

Conduzido por Larry Martinez, professor assistente de gestão de hospitalidade, e pelo doutorando Nicholas Smith, ambos da Penn State University, juntamente com Isaac Sabat , da George Mason University, a pesquisa destaca a questão dos estereótipos relacionados ao gênero e peso, em um momento onde as altas taxas de obesidade se tornam cada vez mais comuns nos Estados Unidos.

O estudo também mostrou que as funcionários tidas como "mais gentis" causaram maiores avaliações positivas para o hotel, enquanto que as percepções de competência não tiveram efeito sobre a satisfação com o estabelecimento.

Mudando padrões
Segundo os pesquisadores, tais resultados poderiam afetar as decisões na gestão do estabelecimento, no sentido de contradizer a noção de que os clientes não gostariam de ver alguém de maior peso corporal na "linha de frente" dos funcionários. Ao invés disso, mostraria que os clientes baseiam suas percepções de satisfação mais no "calor" recebido no momento do atendimento. E o maior peso das funcionárias mulheres se destacam na área.

Durante o estudo, os pesquisadores mostraram aos participantes fotos de diversos funcionários da recepção. As imagens, com personagens de ambos os sexos, eram acompanhadas por descrições sobre como aquela pessoa havia lidado com situações básicas que um cliente costuma encontrar em um hotel. Depois, as 169 pessoas entrevistadas responderam algumas perguntas sobre o trabalhador e a experiência no estabelecimento.

Deixe seu comentário!

O Jornal Rosa Choque não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.

Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Todos os campos marcados com é de preencimento obrigatório.